Voltei! e trago companhia <3


OI! Voltei e trago comigo o coelho mais fofo que um coelho can possibly be. <3

Final do ano passado eu prometi a mim mesma que voltaria a registrar mais momentos aqui, mas claramente: fail.

Mal sabia eu que assim que o novo termo letivo da universidade começasse eu não teria tempo nem para mim, imagina para escrever algo que não fosse relacionado ao meu trabalho de conclusão de curso. A verdade, admito, é que durante esse período em que vivi com a cara nos livros eu mordi minha língua e mordi feeeeeio. Explico: sempre que eu via alguém – geralmente nas minhas redes sociais – reclamando de TCC, eu pensava comigo mesma “cara, não deve ser tudo isso que tanto falam, parem de reclamar pelamordedeus”, mas claro, descobri da pior forma que era SIM tudo aquilo que tanto reclamavam haha. Agora, se é chato e exaustivo escrever mais de 50 páginas sobre um assunto em português, imaginem em inglês, que você tem que pensar inúmeras formas em que sua linha de raciocínio faça tanto sentido quanto fez quando você pensou em português. Não parece tão difícil, until you have to do it.




 

Enfim, foi de longe um dos períodos mais estressantes e cansativos da minha life, mas ACABOU. A-C-A-B-O-U, e em julho tô me formando real oficial, com direito a cerimônia formal, chapéu pelos ares e aquelas fotos clichês de graduação.

 

 

Considerando então que eu só tenho mais um trabalho pra entregar essa semana, isso significa também que eu vou ter muuuito mais tempo e cabeça pra voltar a registrar tudo do jeito que eu queria, aqui. Fazer tudo que deixei de fazer quando só podia pensar em TCC e fazer também tudo que não fiz ainda: conhecer alguns lugares novos que já estavam nos meus planos há séculos, conhecer novos cafés que me indicaram, fazer mais algumas viagens e enfim… Aproveitar mais e sem preocupação alguma.

 

 

No meio de um dos piores momentos de stress que vivi apareceu a oportunidade perfeita, como um sinal divino, de fazer uma boa ação – ao animal e a mim mesma – de adotar um coelhinho e ser feliz. E fazer ele feliz.

 

 

Num domingo após incessantes horas de estudo eu cheguei em casa com uma caixa em mãos, com um mini ser vivo dentro dela. Coloquei a caixa no chão, observei a cara de choque + felicidade da minha irmã, absorvi aquele momento por alguns segundos e de repente ficou tudo mais leve…

 

 

…E a ficha caiu: EU ADOTEI UM COELHO. <3
Fica aqui então alguns registros que fiz desse ser-humaninho mais fofo.

O nome dele é Pixel, tem pouco mais de 9 semanas de idade e atende (ou não) também por: Coelho, Ei Doido, Frank, Mininu, Flick, Mickey e Bicho.

 
.


Dessa vez eu tô voltando mesmo com o thaiste.com e amanhã vai ter até post sobre a minha realização de ter ido pros dois shows do John Mayer essa semana! Não podia passar em branco pois foi de longe um dos momentos mais mágicos que já vivi nessa cidade. <3

Thais

31 de outubro de 2014, 2015 e 2016

Acho que pela primeira vez na vida eu comemoro Halloween por 3 anos consecutivos.

2014 eu e amigos preparamos uma festa Halloween (em Fortaleza)  tão linda que não sei nem pq eu não tinha compartilhado essas fotos antes, então tô aproveitando a oportunidade pra deixar aqui, foi mara! Fui de soldado do exército.

2015 eu já tava aqui em Londres e fui convidada pra festa de uma amiga e foi uma das experiências mais legais que já vivi aqui. Nunca estranhos interagiram tanto comigo na rua! “Found you Wally!”

Esse ano fui pra festa da mesma amiga mas dessa vez não tive tempo de me fantasiar do que queria, então acabei comprando uma fantasia em cima da hora e fui de Jesse Pinkman!

2016

2015

2014

 

1 2 3 4 5 21